sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Biscoitos dedos de bruxa




No dia de Halloween fiz biscoitos de dedos de bruxa para a ceia.

São deliciosos biscoitos de manteiga com um formato assustador.

Deixo-vos aqui a receita.

Ingredientes:

-230gr de manteiga amolecida
-125gr de açúcar em pó
-1 ovo
-1 colher de chá de essência de baunilha (não é obrigatório)
-350gr de farinha
-1 colher de chá de fermento em pó
-1 colher de chá de sal

Juntar a manteiga com o açúcar, o ovo e a baunilha.
De seguida juntar a farinha, o fermento e o sal.
Depois de tudo misturado, deixar repousar 20 a 30 minutos no frigorífico.

Após repousar, fazer pequenos rolinhos e coloca-los num tabuleiro para ir ao forno a 160º.

Eu utilizei como medida de quantidade de massa para os biscoitos 1 colher de chá mal cheia, pois os biscoitos crescem muito.

Na ponta de cada biscoito, colocar lâminas de amêndoa e carregar bem.
Eu apliquei mel (também pode ser geleia) nos biscoitos para as "unhas" não caírem durante o cozedura.

Os miúdos acharam engraçada a ideia dos biscoitos.

Bom apetite.

Ana

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Dia e Noite de Halloween


 Ontem comecei a manhã a vestir a miúda cá de casa, uma verdadeira bruxinha com estilo, (desculpa filha cortei-te o pescoço).


Decorei a entrada exterior e interior.


Tratei do menu para o jantar;


A sobremesa foi colheradas de pântano (mousse de chocolate);


 Para a ceia, dedos de bruxa;


As bebidas foram veneno e água de lavar os dentes do Drácula.

Os miúdos adoraram.

Como foi o vosso Halloween?

Beijos

Ana

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Vassouras de bruxa de chupa-chupa





Mantendo a tradição, este ano também vai haver chupas para o Halloween.

Mas para variar, decidir fazer vassouras de bruxa de chupa-chupas.

Mantêm-se o mesmo conceito e os mesmos materiais: chupas, guardanapos e elásticos.





É uma ideia simples, barata e diferente.

Beijos

Ana

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Máscaras de Halloween



Noutro dia recebi uma chamada, para saber se eu tinha uns moldes de máscaras para o Halloween.

Pesquisei na net, encontrei o que queria e encaminhei os moldes por email.

Nada melhor que aproveitar o fim de semana que se aproxima, para fazer umas máscaras com os miúdos.

Deixo-vos alguns moldes.








 Beijos.

Ana


quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Contagem Decrescente



Hoje dei conta que faltam 60 dias para o Natal e tenho tudo para fazer e organizar.

Quero fazer novos enfeites para a Árvore de Natal, uma nova Árvore de Natal, montar o presépio no exterior, enviar postais, comprar as prendas e fazer os miminhos para os amigos.

Ainda não fiz a lista dos presenteados com os postais, presentes e miminhos.

Ainda não decidi o que fazer de miminhos e tenho de tirar uma fotografia aos filhotes alusiva ao Natal para enviar como postais.

O tempo passará depressa e para "ajudar" tenho mais datas importantes que irão ocupar o meu tempo, o aniversário do meu pai, o Halloween, o aniversário dos meus sogros, o aniversário da Vitória, o aniversário do meu "sobrinho" Ricardo e as festas de Natal dos miúdos e dos graúdos.

E vocês já começaram a planear o Natal?


Beijos

Ana




sexta-feira, 20 de outubro de 2017

7 Vidas de uma mesa






Na minha ida ao Algarve, entre outras coisas, trouxe esta mesa.

Esta mesa nos anos 70/80 foi uma mesa de telefone, quando a fui buscar fazia de mesa de cabeceira.

Depois de uma boa camada de glicerina líquida, agora é um lindo adorno neste pequeno canto.

Para uma mobília vintage, nada melhor que uma jarra vintage, que veio diretamente do sótão da casa dos meus pais.

Como adoraram a ideia, presentearam-me com estas flores artificiais para completar o adorno.

Gostaram? Qual será a quarta vida?

Beijos

Ana

terça-feira, 17 de outubro de 2017

CHUVA

       Resultado de imagem para imagens de chuva     




Esta não era a publicação que eu tinha em mente para início de semana, mas tendo em conta o que aconteceu este Domingo e ontem, não pude deixar passar em branco.

Todos nós acompanhamos o flagelo que foram os incêndios durante estes dias, mas a mim tocou-me em particular.

Ontem ao final da tarde, fui avisada que a aldeia da minha avó, onde passei as férias de Verão ( a terra ), estava cercada por chamas, com os acessos cortados e sem a presença dos bombeiros.

Quem lutava contra e a preparar a chegada das chamas eram os meus familiares, que ficaram sem rede de televisão, telefone fixo e a única rede móvel que funcionava com constrangimentos era a MEO.

O caricato desta situação foi a forma como tomei conhecimento de todo este problema; um primo que está em França comunicou via Facebook com o meu irmão que está no Dubai, que comunicou via Skype com a minha cunhada, que me ligou de imediato.

Naquele momento todos nós percebemos que a solução passava pela chegada da chuva.

Não sei quem rezou, quem fez a dança da chuva, quem fez um pacto com São Pedro ou quem com fúria apertou as nuvens, só sei que chegou, para apagar, limpar e essencialmente curar.

Sê bem vinda chuva, faz cair muitos pingos de vida.

Ana